2023 · Confira o que o novo ano ditará sobre as estratégias a serem adotadas pelas marcas

20 dez 2022

O novo ano traz o calor humano em pauta, além da sustentabilidade e das práticas de responsabilidade social.

💡 O ano de 2022 ainda foi marcado com alguns resquícios da pandemia, mas já foi considerado o ano da volta à normalidade. Apesar das incertezas econômicas, a vacina foi um ponto importante para a volta de eventos grandes, encontros presenciais, que puderam acontecer sem maiores restrições. 

Mais um ano se inicia e pensar nas tendências para 2023 será essencial para realizar um planejamento estratégico que seja relevante. Vamos citar algumas das que vão guiar o nosso ano e que indicam alguns caminhos que podem apoiar essas estratégias.

O FOCO NO SER HUMANO. Após dois anos intensos de pandemia, as mudanças em nossa rotina e comportamento também afetou de uma forma geral como enxergamos o mundo. Focar no ser humano sempre esteve em alta, mas agora é essencial. As mudanças decorrentes da pandemia abriram-nos um universo onde o cuidado com o outro e com o mundo tornou-se a maior preocupação. O relatório Previsão de Sustentabilidade 2024 da WGSN, aponta que 58% dos consumidores em 28 países escolhem uma marca com base nos seus valores e crenças, enquanto 52% gostariam que as empresas fizessem mais para combater a crise climática. 

De acordo com relatório “Consumidor do Futuro” da WGSN de 2022, os sentimentos dos consumidores guiarão o seu processo de consumo, seja ele de bens ou conteúdo. No relatório, é falado sobre o choque com o futuro, que é o medo das mudanças aceleradas da atualidade; o excesso de estímulos recebidos em uma conectividade constante; o otimismo realista, que envolve a busca por um propósito de vida em meio às tragédias humanas; o encantamento, seja ele pela estabilidade, pela sobrevivência e pelas certezas. Compreender tais sentimentos e aplicar estratégias voltadas a eles pode ser um caminho sustentável a se seguir. 

A WGSN também produziu um relatório com futuros propulsores, “analisando sociedade, tecnologia, meio-ambiente, política, indústria e setor criativo para identificar as principais forças que estão impactando a sociedade e a indústria de bens de consumo”. São resultados que apontam a necessidade de impulsionar fatores como a economia do cuidado, que é uma tendência e urgência que surgiu após a pandemia. 

A internet de tudo também é outra área que será afetada, já que indicadores apontam uma existência circular entre o mundo físico e digital, que já era tênue. As preocupações com o planeta, discutidas há algum tempo, também ganham um impulso maior, já que os efeitos da crise climática ficam cada vez mais agravados. 

Para anotar e adotar: estratégias de ESG (Meio ambiente, Social e Governança Coorporativa), alinhamento com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU e Marketing de causas de acordo com os propósitos da marca.  

TÁTICO E OPERACIONAL. A Resultados Digitais também apontou algumas tendências para a parte tática e operacional do marketing. A primeira delas, é o Conversational Marketing, que é a necessidade de um pronto atendimento humanizado para os seus clientes. Chatbots e automações para o Whatsapp podem ser úteis para investir. 

Falam também sobre a criação de eventos híbridos para alcançar um maior público, que também é um resquício que a pandemia deixou. Encarar isso é uma oportunidade para um maior networking e conteúdo. Webinars também entram em voga, com conteúdo mais voltado para o educacional. 

A junção do marketing e das vendas, com uma comunicação cada vez mais simples e rápida e os conteúdos interativos e imersivos também causarão impacto no seu negócio. Usar a tecnologia ao seu favor também será essencial.

NOVO ANO, NOVAS NARRATIVAS. Serão criadas narrativas no que tange a, praticamente todas as áreas, seja econômica, política ou ambiental “Novas narrativas vão moldar o futuro, à medida que a dinâmica de poder muda em nível global, rotas de comércio são redefinidas e novos sistemas são criados” (Relatório Futuros Propulsores 2024, WGSN, 2022), tudo isso com a exigência de mudanças tangíveis. O essencialismo e a criatividade também vão ajudar a guiar essas narrativas. 

A cor do ano da Pantone também diz muito sobre o que vem a seguir. A Viva Magenta foi escolhida por ser uma cor que vibra força e energia, dois fatores que vão ser pauta depois de tempos muito sombrios para todos. 

Viva Magenta é corajosa e destemida, uma cor pulsante, cuja exuberância impulsiona a celebração, alegria e otimismo, escrevendo assim uma nova narrativa.

Aqui na C•Niel, nós pautamos e implementamos as estratégias dos nossos clientes baseadas nas tendências e no que é preciso estar atento no mercado. Satisfazer as necessidades dos clientes, e ir além, com uma preocupação genuína com as pessoas e o mundo ao nosso redor é essencial. Afinal, é e sempre vai ser tudo sobre pessoas. Inclusive negócios e marcas. 

 

explore nossos cases.
confira outros artigos.

Links

FAQ

Contato

falecom@cniel.com.br

+55 (11) 2925 3088

© 2017·2023  C•Niel®. Todos os direitos reservados. 

Abrir bate-papo
1
Fale com a C•Niel
*Vamos começar algo juntos?*

Conecte-se conosco. Conte-nos sobre o seu mais novo projeto, ideia de negócio ou necessidades da sua marca.
Share via
Copy link